Comunicação

Notícias

  • Hoje é o Dia Mundial do Rádio

    13/02/2020 - Asserpe
    Data celebra protagonismo do veículo e seu papel social

    O Dia Mundial do Rádio é comemorado hoje, dia 13 de Fevereiro.

    A data tem o objetivo de conscientizar as emissoras da importância do acesso à informação, da liberdade de gênero e expressão dentro deste setor da comunicação.

    Entre os meios de comunicação tecnológicos que existem na atualidade, o rádio continua a ser o que atinge as maiores audiências, continuando a adaptar-se às novas tecnologias e aos novos equipamentos. O rádio funciona seja como uma ferramenta de apoio ao debate e comunicação, na promoção cultural ou em casos de emergência social.

    A rádio esteve presente acompanhando os principais acontecimentos históricos mundiais e hoje continua a ser um meio de comunicação fundamental.

    Origem do Dia Mundial do Rádio
    O Dia Mundial do Rádio é comemorado em 13 de Fevereiro em homenagem à primeira emissão de um programa da United Nations Radio (Rádio das Nações Unidas), em 1946. A transmissão do programa foi em simultâneo para um grupo de seis países.

    A data foi criada e oficializada em 2011, pela Organização das Nações Unidas para a Educação, Ciência e Cultura (UNESCO). O primeiro Dia Mundial do Rádio foi celebrado apenas em 2012.

    "O Rádio é um veículo único e nunca esteve tão moderno, mantendo seu protagonismo. É autêntico. É muito difícil por exemplo, não ser verdadeiro no rádio. É afetivo. Veja quantas músicas homenageiam o veículo. Em que plataforma uma música tocaria tanto o coração como Saudade de Minha Terra ao dizer que 'alguém está chorando com o rádio ligado'? Todos temos uma rádio da infância, que lembra nossos pais, nossa história. E ele é presente e futuro, continua forte, como destaca a pesquisa Kantar Ibope", destaca o Presidente da Asserpe, Nill Júnior.

    Adauto Cândido Soares, coordenador do Setor de Comunicação e Informação da Unesco destaca:

    "A ONU festeja todo ano a data 13 de fevereiro com o objetivo de chamar atenção da população do mundo para a importância do rádio como uma mídia mais democrática, mais próxima de todas as pessoas, de todas as classes sociais, de todas as nações".