comunicação | Notícias

migracao.JPG

Kassab participa de cerimônia de assinatura da migração no Recife

a Fundação Cultural Senhor Bom Jesus dos Remédios, de Afogados da Ingazeira (PE), e a Difusoras de Pernambuco Ltda, de Pesqueira (PE) assinaram a migração, na ocasião.
20/09/2017

O ministro da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações, Gilberto Kassab, participou da solenidade para assinatura do ato de migração no Recife. O mutirão beneficiou duas entidades: a Fundação Cultural Senhor Bom Jesus dos Remédios, de Afogados da Ingazeira (PE), e a Difusoras de Pernambuco Ltda, de Pesqueira (PE). Ao todo, 37 rádios AM do estado pediram ao MCTIC para fazer a migração, sendo que seis delas já haviam assinado seus termos aditivos de adaptação das outorgas. A Asserpe esteve presenta na cerimônia representada pela vice-presidente do Sertão do São Francisco, Ana Amélia Lemos, do Sistema Grande Rio de Comunicação.

“Essas 37 emissoras vão ter um custo de operação muito mais baixo”, previu o ministro. “Com isso, vão poder pagar melhor seus funcionários, contratar mais gente e investir na qualidade da programação, além de, evidentemente, alcançar o foco principal da migração, que é levar ao seu público um som melhor, por conta da qualidade diferenciada da FM em relação à AM”, comentou Kassab.

Nas palavras de Kassab, o país testemunha “uma virada na forma de agir” do setor de comunicações. “A migração de AM para FM, por exemplo, conclui um sonho acalentado por muitas décadas por todos os nossos operadores e empreendedores da radiodifusão. Até o final do ano, aproximadamente mil emissoras terão migrado”, comentou o ministro, ao lembrar que, das 1.781 rádios AM do Brasil, 1,5 mil solicitaram a mudança.

Nesta primeira etapa, os veículos poderão operar na faixa atual de FM, de 88 FM a 108 FM. As demais candidatas terão que esperar a conclusão do processo de digitalização da televisão, que vai liberar espaço para a modificação.

Pernambuco é o 11º estado a participar do mutirão de migração, que já havia contemplado Santa Catarina, Minas Gerais, Rio Grande do Sul, Goiás, Paraná, São Paulo, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul e Bahia.

Com informações do MCTIC